passos para anunciar no google ads

Anunciar no google ads: Por onde começar

Passos para anunciar no google ads 

Legal, você quer entrar para o time de pessoas que anunciam na internet, mas não sabe como nem por onde, fica ligado nesse post.

Meu objetivo aqui não é te transformar em um grande gestor de tráfego (pelo menos não agora e não aqui), a ideia é dar um panorama geral das ações e de controle de quem está iniciando trabalhos com o Google Ads.  Este artigo é dedicado aos iniciantes mesmo. Então, por favor, se você se encaixa no time de quem já sabe,  see you soon.

Você já deve ter deparado com resultados diferentes, com destaque nas primeiras posições quando faz uma busca no google, esses são os links patrocinados. 

Se você quer aprender a anunciar no Google Ads e iniciar suas primeiras campanhas no Google,  fique atento com as próximas etapas onde aprenderá o que você deve fazer para começar a criar suas primeiras campanhas ainda hoje.

O Google (tanto a pesquisa quanto o Youtube) e o Facebook são os dois principais locais do mundo onde as pessoas pesquisam e dominam a publicidade na internet.

O Google é a ferramenta que faz com que seu produto/serviço (assim que você vincula anúncio) seja mostrado para as pessoas que estão buscando sua solução. 

Já o Facebook faz com que seu seu produto/serviço (assim que você vincula anúncio) seja mostrado para as pessoas mesmo elas não estejam procurando sua solução.

Outra coisa que eu passei foi: Será que vale a pena investir no google?

Quando eu não sabia nada sobre google ads, bem no começo mesmo, eu tinha receio de colocar dinheiro e não conseguir nada. Porém eu percebi que não é algo impossível, pelo contrário, é muito possível e não precisa ser engenheiro para saber.

Na minha primeira conta de google ads eu tentei fazer anúncios sem nenhuma ajuda, demorei mais de 1 hora só pra conseguir configurar minha conta, com muito esforço e na época com pouca informação muito útil. Mas hoje eu configuro em 10 minutos uma conta inteira.

Bom, resumindo eu investi R$100,00 e tive de retorno R$189,00, foi irado, reinvesti e deixei os anúncios lá. Resultado, investi R$100 e tive de retorno R$40 🙁 

Depois, lendo mais e estudando muito (afinal, estava chateado de perder dinheiro) percebi que meus anúncios estavam mal configurados e tinham pequenas coisas que se eu tivesse feito, teria muito mais resultados.

Foi só aplicar as alterações que os meus resultados melhoraram 10x.

Durante a leitura volto aos exemplos e histórias pessoais com o google ads. Antes vamos conhecer alguns conceitos básicos.

O que é tráfego pago?

Antes de começarmos, quero deixar claro uma pergunta que sempre aparece no meu instagram: Elivelton, tráfego orgânico é pago?

Calma, no próximo tópico vamos abordar essa diferença, mas a resposta curta é não mas continua comigo que vou te explicar tudo.

O tráfego pago é o nome dado a estratégia de marketing que consiste em mostrar sua marca ou produto/serviço para as pessoas através de investimento (dinheiro) em campanhas/anúncios para que as plataformas e sites mostrem seu conteúdo com destaque.

Os anúncios pagos são feitos por meio de palavras-chave, anúncios de texto, vídeos ou imagens. 

O tráfego pago é capaz de trazer grandes resultados para seu site ou página com pouco investimento, se cuidadosamente planejado e executado. 

A primeira dica aqui é escolher exatamente quanto você deseja gastar, além disso, você pode definir um valor máximo diário que deseja gastar. Você pode criar um funil de anúncios na sua estratégia, se quiser saber mais sobre funis de vendas confira:

https://www.youtube.com/watch?v=pD3pZuc2q_Y

Tráfego pago ou tráfego orgânico?

Antes de entender qual a diferença entre tráfego orgânico e tráfego pago, pense na seguinte analogia: 

Você tem uma loja de roupas exclusiva para bebês do sexo feminino de até 3 anos;

[exemplo de tráfego orgânico] Virá muita gente de diversos lugares;

Você pode ir fazendo o marketing boca a boca;

Fazer tráfego orgânico no instagram ou facebook;

Mesmo com essas ações você não sabe quantas pessoas de 

fato vão conhecer/comprar de você. 

Esse número vai variar também da forma como você arruma sua loja, coloca uma placa mais chamativa, leds, porém:

[exemplo de tráfego pago] Você tem a opção de investir em panfletos;

Pagar pessoas para sair comentando com os vizinhos da sua loja;

Anunciar no rádio;

Anunciar no elevador do prédio;

Anunciar em um carro de som, com intuito de trazer novas pessoas interessadas;

Aí você controla mais esse fluxo de pessoas conhecendo/comprando seus produtos na loja.

Percebeu a diferença entre tráfego pago e orgânico? 

No orgânico você toma ações para influenciar pessoas a conhecerem/comprarem de você, algumas acabam conhecendo seu negócio navegando na internet (e tem como você sim fazer ações para aparecer mais no google,  se chama SEO).

Mas isso não significa que só viver de tráfego orgânico vai te trazer sempre ótimos resultados, lembra que o orgânico você não controla quantidade de pessoas que conhecem/ compram de você?

Portanto, o tráfego pago precisa sim ser também otimizado, melhorado para aproveitar cada vez mais desse canal que você não compra visitas, acessos (indiretamente). Existem diversas formas de encontrar plataformas e sites para divulgar organicamente seu negócio.

Para compreender o tráfego pago, como vimos na analogia acima, você percebeu que quando você paga para qualquer meio você tem controle do volume de acessos que seu site vai conseguir, sua página no facebook vai receber de curtidas, seu instagram vai receber seguidores. Geralmente o tráfego pago é cobrado no modelo Custo Por Clique, o famoso CPC.

Você só paga quando alguém clica no seu anúncio e determina quanto você vai gastar.

O que são os anúncios do google

Agora que você entende a importância de anúncios pagos, precisa saber das opções e como fazer.

A plataforma mais popular e utilizada para anúncios é o Google Ads, fora ela, se importe em conhecer também Facebook Ads.

O navegador do Google é o site mais utilizado e acessado do mundo, por segundo são milhares de consultas no google. Anunciar no google é estar onde todas as pessoas buscam algo.

Anúncios no google são os primeiros resultados que aparecem quando você busca algo no google, e podem ser 3 ou 4 anúncios em sequência (só depois aparecem os links orgânicos). Todo anúncio do google tem indicação dizendo que o link é patrocinado.

Existem diversos tipos de anúncios no google, basicamente eles são:

  • Anúncio de texto;
  • Anúncio de imagem;
  • Anúncio de vídeo.

Tipos de anúncios no google

Os tipos de anúncios no google são divididos basicamente em três categorias como vimos à pouco.

  • Anúncio de texto: Exemplo de anúncio de pesquisa.

Para exemplificar eu entrei no google e pesquisei pela palavra-chave passagens aéreas e apareceu a seguinte tela:

Como percebesse no quadrado vermelho, todos os links que estão aparecendo são anúncios pagos, ou melhor, links patrocinados. Esse tipo de anúncio é um anúncio de texto.

Realizando essa mesma pesquisa de palavra-chave no meu celular apareceu assim:

Percebeu que a área do primeiro anúncio de pesquisa quase ocupou toda a minha tela? 

Se bem feito, tem como você fazer o mesmo e até melhor.

  • Anúncio de texto: Exemplo de anúncio de google shopping

Agora, revivendo a nossa analogia da loja especializada em bebês de até 3 anos. Fiz a pesquisa no google para a palavra-chave roupa para bebê 1 ano, e confira o que apareceu:

Na imagem, em vermelho você reconheceu o anúncio de texto? Em algumas pesquisas, dependendo do contexto (o robo do google sabe) ele exibirá anúncios de texto e anúncios com produtos (anúncio do google shopping), como aparece no retângulo azul.

Mas Elivelton, como anunciar meus produtos? Eu quero aparecer nesses anúncios no retângulo azul. 

Calma, primeiro entenda os pilares do google ads, vamos  continuar com os tipos de anúncios.

  • anúncio de imagem: Exemplo de anúncio de display

Sabe aqueles banners que aparecem nos sites que você acessa? Ou você já se perguntou se é caro anunciar em um site?

Veja um exemplo. Eu acabei de entrar no site da ESPN e apareceu uma propaganda da Hostgator, confere ai:

O google tem uma rede enorme de parceiros (sites que exibem anúncios gráficos), quase todos os sites utilizam o sistema Google Adsense para deixar que o google mostre os anúncios, esse sistema paga para exibir os anúncios.

Anúncios de imagem servem para mostrar sua marca, principalmente, para quem já conhece você, ou seja, já acessou seu site, sua página, seu instagram, viu um vídeo seu ou simplesmente só entrou e saiu da sua página ou perfil. Essa prática quem trabalha com marketing digital chama de Remarketing ou Retargeting.

  • Anúncio com vídeo: Exemplo de anúncio de vídeo

Acredito que você já sabe qual tipo de anúncio estou falando, certo?

Se você falou “Aquelas propagandas que aparecem quando vou ver um vídeo no youtube” , você acertou.

Os anúncios do youtube são feitos no mesmo lugar que os anúncios de imagem e texto, lá no google ads também.

Você pode controlar em qual tipo de canal e muitas vezes em um canal específico, as pessoas que vão assistir aquele vídeo.

Engana-se quem fica na dúvida que fazer propaganda no youtube vale a pena ou não. 

Com certeza, vale. Já tive excelentes resultados, até mesmo resultados ruins, mas o melhor é que é só assim que você aprende, na tentativa e erro. É aquele momento que você comemora o acerto e aprende com o erro.

Como fazer anúncios no google começando do zero

Antes de mais nada entenda a hierarquia do google ads :

Agora, que entendeu a hierarquia, veja como funciona o processo:

Basicamente o usuário realiza a busca pela palavra-chave do seu negócio, assim encontrar seu anúncio e quando clicar é direcionado para seu site, dentro da sua página o usuário executa ou não uma ação.

Ah… para entender a regra do jogo, os anúncios do Google Ads são exibidos através de um leilão entre palavras-chave, dessa forma ele leva em consideração alguns pontos, como: CPC máximo multiplicado pelo índice de qualidade do seu anúncio (se você seguir esse guia, naturalmente terá um índice de qualidade grande e entenderá o que é índice de qualidade).

Lembra que eu comentei que você escolhe quanto quer pagar pelo custo por clique? Então, esse é o CPC Máximo.

O Índice de qualidade é segundo o google “é uma estimativa da qualidade dos seus anúncios, palavras-chave e páginas de destino”.

Agora confira, por onde começar no Google Ads:

  1. Inscrição

Antes de mais nada, você precisa criar uma conta no Google Ads, é bem simples e rápido a configuração inicial, para isso você precisa:

  • Criar uma conta no Google Ads : Para isso, acesse https://ads.google.com;
  • Faça login: Use sua melhor conta de email, ela será a proprietária da conta;
  • Meta de publicidade: Se você é novo com Ads você definirá qual meta você quer com o Ads.

Agora, você deve preencher os próximos passos que a plataforma solicita na criação da conta, seu negócio e público-alvo, seu anúncio, orçamento e revisão, configuração de faturamento.

MAS…

Fique atento quando chegar na tela seguinte: Qual é sua principal meta de publicidade?

Ao chegar nessa tela clique na parte onde está escrita a frase “Você é um profissional de marketing? Alternar para o modo Especialista”.

Clique em Alterar para o modo Especialista e vem comigo.

2. Configure sua primeira campanha

Você tem diversas opções para um tipo de campanha. Mas se você está começando agora, é melhor escolher “Apenas na Rede de Pesquisa” ok? ok.

Vamos então criar seu anúncio.

Comece pensando no que você quer oferecer, anota essa dica.

Ao pensar no que você quer, tenta entender que tipo de pessoa encontraria esse anúncio (aqui é o seu público).

Após entender quem é , pensa o que essa pessoa buscaria para encontrar seu produto ou serviço.

Agora, vamos lá.

A primeira definição em seus anúncios é definir a META.

A meta quer dizer exatamente o que você busca em um anúncio. Simples assim, se for venda, selecione vendas. Se for Leads, selecione leads. Como você está começando, não complica.

Após definir sua meta, clique nela, então agora você vai selecionar o TIPO DE CAMPANHA, vamos começar fazendo uma campanha de pesquisa.

Cada um dos tipos de campanhas tem suas configurações e suas atenções, como exemplo vamos fazer uma campanha de pesquisa, clique em cima da opção rede de pesquisa.

Feito isso você vai selecionar como você quer alcançar essa meta (isso faz com que o robô do google entenda o que você prefere).

Reparou em algo? Isso mesmo você não precisa de um site para fazer um anúncio, pode fazer um anúncio que as pessoas encontrem seu telefone/whatsapp.

Mas nesse caso de exemplo, vou marcar as opções Visitas ao site e Ligações telefônicas, ok?

A partir de agora, vou deixar com vocês um vídeo configurando do zero uma campanha no google ads.

Se você chegou até aqui, você tem tudo para criar sua primeira conta de anúncios e vincular seu anúncio no google ads.

Se ficou alguma dúvida ou você se interessa em receber mais materiais e conteúdos mais avançados de Google Ads, me deixa uma mensagem através do instagram ou pelo whats 😉

Me conte aqui embaixo o que achou do artigo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Sair da versão mobile